Dicas para fazer a adubação do morango

Dicas para fazer a adubação do morango. A adubação do morango depende do preparo e da fertilidade do solo, assim como do tipo de substrato utilizado.

A adubação do morango depende do preparo e da fertilidade do solo, assim como do tipo de substrato utilizado

Dicas para fazer a adubação do morango

"A cultura do morango sofreu grandes mudanças a partir da década de 70, com o desenvolvimento de cultivares mais produtivas e resistentes a doenças. Além disso, foram desenvolvidas novas técnicas avançadas de cultivo, que aumentaram a produtividade e a qualidade do pseudofruto", afirmam Francisco Antônio Passos, Juarez Antônio Betti, Maria Aparecida de Souza Tanaka e Regina Célia de Matos Pires, professores do Curso a Distância CPT Produção de Morango, disponível nos formatos em Livro+DVD e Online.

Embora seja preferencialmente consumido in natura, o morango pode ser processado na indústria alimentícia (caseira ou convencional) e na indústria de cosméticos. Inúmeros são os produtos que podem ser elaborados com o pseudofruto - como geleia, doce, suco concentrado, sorvete, vitamina. Já na indústria de cosméticos, o morango pode ser utilizado na fabricação de cremes, xampus, condicionadores, batons. Enfim, trata-se de uma cultura bastante versátil com um grande leque de possibilidades.

Os principais produtores de morango são Minas Gerais, São Paulo e Rio Grande do Sul, mas a cultura pode ser encontrada em outros estados brasileiros, como Paraná, Santa Catarina, Espírito Santo, Goiás e Distrito Federal. A disseminação das lavouras de morango ocorreu graças ao clima propício das regiões, além das inovadoras técnicas de manejo - desde o plantio até a adubação e colheita dos morangos.

Atualmente, o sistema de cultivo de morangueiro que está em expansão é o semi-hidropônico por gerar excelentes resultados. Já a adubação depende do preparo e da fertilidade do solo, assim como do tipo de substrato utilizado. É importante ressaltar que a produção do morango ocorre em longo período. Por esse motivo, a planta precisa ser nutrida continuamente para se tornar produtiva. Isso é feito com a reposição de nutrientes, em especial no período de desenvolvimento do morangueiro e na colheita.

Entretanto, para que a adubação tenha ótimos resultados, é essencial realizar a calagem do solo para a correção do pH, além da irrigação - pois a água é o principal veículo para levar os nutrientes até a planta. No caso de cultivos caseiros, basta a adubação orgânica para que o morangueiro responda bem ao manejo e cresça com vitalidade. Mas é importante que o solo seja fértil e pleno de vida.

Dicas para fazer a adubação do morango:

O morangueiro pode ser adubado com adubo orgânico tipo esterco (bovinos ou aves). São recomendados 3 litros/m² de esterco bovino ou a metade desse volume se for esterco de aves. O objetivo é aprimorar as condições biológicas do solo, assim como garantir maior aeração do solo (parte superficial). Da mesma forma, o esterco reduz a percolação no solo arenoso, além de aumentar a atividade microbiana benéfica. Não é recomendado a utilização desse adubo no momento do plantio, pois pode causar toxidez. O ideal é adicionar esse fertilizante 30 a 40 dias antes do plantio do morango.

Fontes: Revista Globo Rural e Faz Fácil.

Andréa Oliveira 15-05-2017 Fruticultura

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.