Cultivo caseiro de painço para alimentar curiós

Os grãos de painço são bastante nutritivos e, por isso, muito utilizados por criadores de curiós para alimentá-los

Cultivo caseiro de painço para alimentar curiós

“O painço ou Panicum miliaceum é uma gramínea cultivada há mais de 3 mil anos. Seus grãos são bastante nutritivos e, por isso, utilizados por criadores de pássaros para alimentá-los. Quando cultivado em casa, sem agroquímicos e com adubo orgânico, o painço torna-se ainda mais benéfico a curiós e outros pássaros silvestres criados em cativeiro”, afirma Fábio Morais Hosken, Doutor em Zootecnia e professor do Curso CPT Criação Comercial de Curiós e Bicudos.

Época de plantio, temperatura e solo


A época de plantio do painço ocorre assim que começa a primavera. O solo deve apresentar alta fertilidade e ser bem drenado. Em solos compactos, agrega-se perlita. A temperatura recomendada deve permanecer, em torno de 25°C, já que o painço se desenvolve bem em climas quentes. Conforme a variedade, ele pode ser cultivado dentro de casa ou no quintal, contanto que receba luz solar indireta.

No caso de mudas de painço que acabaram de germinar, é fundamental deixá-las, em área parcialmente sombreada, e distantes de correntes de vento. Após 7 a 15 dias, elas podem receber mais horas de luz solar até que se adaptem.

Semeadura, espaçamento e regas


Na semeadura do painço, as sementes são plantadas sob uma camada fina de solo (a seis milímetros no máximo). O espaçamento entre as sementes de painço deve respeitar a distância de 5 a 7,5 cm. Após o plantio, é importante regá-las, regularmente, até que inicie a germinação. Quando as mudas ganharem vigor, elas devem ser regadas, menos vezes, somente quando o solo estiver quase seco. Mesmo porque o painço não tolera encharcamentos.

Transplante das mudas de painço

Assim que alcançarem o tamanho ideal, as mudas de painço devem ser transplantas para local definitivo. O transplante deve preservar as raízes das mudas para que permaneçam em perfeito estado. Por isso, o ideal é que o procedimento seja manual. Elas podem ser plantadas, em vasos ou em canteiros, em local com bom fotoperíodo. É indispensável que as raízes do painço não sejam enterradas profundamente.

Dicas importantes para a colheita 


A colheita do painço ocorre quando os grãos nas espiguetas amadurecem. A maturação é determinada por diversos fatores, desde a variedade de painço, até o clima da região. Basta observar as espiguetas, que se desenvolvem nos extremos macios e se abrem expondo os pequeninos grãos. Quando eles estiverem com coloração marrom ou preta, este é o momento de serem colhidos. No processo, as espiguetas podem ser colhidas sozinhas ou com o caule.

Ao seguir todas as recomendações acima, o criador de pássaros terá disponível alimento de qualidade para os curiós, colhidos em sua própria casa.

Conheça os Cursos CPT da Área Animais Silvestres.

Leia o artigo "Conheça as principais características dos curiós e bicudos."

Fonte: pt.wikihow.com

Por Andréa Oliveira.

Andréa Oliveira 11-11-2019 Animais Silvestres

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.