Como manter a produtividade das colmeias? Eu te explico

Vejamos a importância e as formas da substituição da rainha nas colmeias

Na natureza, as abelhas executam a substituição da rainha de acordo com suas necessidades biológicas. No entanto, o apicultor pode e deve antecipar-se às abelhas, realizando as substituições no momento oportuno para garantir a produtividade e outras qualidades importantes para o manejo das colmeias. Essa técnica envolve duas operações: a orfanação da colônia e a introdução de uma nova rainha, explica a Prof. Etelvina Almeida, do Curso CPT Produção de Rainhas e Multiplicação de Enxames.


Para manter o apiário com alta capacidade produtiva, é importante controlar periodicamente a idade da rainha e substituí-la em intervalos regulares. É necessário monitorar sua idade, origem e desempenho, e fornecer novas rainhas para colônias com enxames de baixo desempenho.

Para manter todas as colmeias jovens e produtivas, é recomendável substituir regularmente as rainhas, utilizando a técnica de renovação periódica. Este intervalo de substituição varia de acordo com a raça das abelhas e o clima local. Em geral, um intervalo de um ano é adequado para a maioria das situações. No entanto, para abelhas africanizadas, especialmente em regiões quentes como o Nordeste Brasileiro, pode ser preferível um intervalo menor, de nove ou até seis meses.

Para determinar o período ideal, cada apicultor pode observar e registrar a frequência das substituições espontâneas no seu apiário. No entanto, na prática, é difícil para os apicultores manterem um calendário de renovação das rainhas devido a razões econômicas ou técnicas.

Assim, é possível realizar a substituição das rainhas indesejáveis como parte da manutenção rotineira do apiário. Durante as revisões periódicas, pré ou pós-colheitas, o apicultor pode identificar as colônias com desempenho ruim relacionado à rainha (ou colônias órfãs) e providenciar a substituição das suas rainhas. Essa prática faz parte do manejo adequado das colmeias e ajuda a manter a saúde e produtividade do apiário.

Se o apicultor não puder ou não desejar criar suas próprias rainhas, será necessário adquiri-las de terceiros. Nesse caso, é fundamental estabelecer contatos prévios com possíveis fornecedores para obter informações sobre as rainhas disponíveis, preços e outras condições. Após escolher um fornecedor, o apicultor deve fazer uma previsão das compras, determinando quando precisará das rainhas, quantas precisará no total e em cada remessa. Essa organização é essencial para garantir um suprimento adequado de rainhas para o apiário.

É importante também verificar a qualidade das rainhas adquiridas, garantindo que sejam saudáveis e geneticamente adequadas para as necessidades do apiário. Ao estabelecer uma boa relação com os fornecedores e planejar com antecedência, o apicultor pode garantir um fluxo contínuo de rainhas de qualidade para manter suas colmeias produtivas e saudáveis.


Como manter a produtividade das colmeias? Eu te explico

O Curso CPT Produção de Rainhas e Multiplicação de Enxames é a melhor escolha para quem busca acesso a conteúdos específicos e atualizados, orientações práticas e técnicas fundamentais para alcançar o sucesso profissional. Invista em você. Invista em conhecimento.

Conheça agora o Cursos na Área Apicultura.

Por: Thiago de Faria

Thiago de Faria Ribeiro 06-05-2024 Apicultura

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.