Tecnologia criada por estudantes garante conforto e bem-estar de vacas leiteiras

Tecnologia criada por estudantes garante conforto e bem-estar de vacas leiteiras. O equipamento com sensores foi criado para controlar a temperatura, a umidade, os ventos, a presença de gases nocivos, como amônia.

O conforto e bem-estar de vacas leiteiras influencia diretamente na performance do animal para a produção de leite

Tecnologia criada por estudantes garante conforto e bem-estar de vacas leiteiras

"O conforto e bem-estar de vacas leiteiras influencia diretamente na produtividade. Quando em ambientes insalubres ou submetidas a estresse, as vacas apresentam queda brusca na produção de leite, o que gera prejuízos ao pecuarista leiteiro", afirmam Aloisio Torres de Campos e Maria de Fátima Ávila Pires, professores do Curso a Distância CPT Conforto Animal para Maior Produção de Leite, em Livro+DVD e Online, da Área Gado de Leite.

Recentemente, um grupo de jovens no Paraná desenvolveu uma tecnologia que monitora o local onde as vacas estão confinadas. O equipamento com sensores foi criado para controlar a temperatura, a umidade, os ventos, a presença de gases nocivos, como amônia - enfim, todos os fatores externos, que podem afetar a performance dos animais. Segundo Lucas Thomaz, estudante de Engenharia Química, o equipamento também monitora a temperatura da água disponível para as vacas, além da luminosidade do ambiente.

Como são vários os fatores que influenciam no metabolismo das vacas leiteiras, a tecnologia permite que o pecuarista acompanhe tudo o que se passa em torno do animal, para que ele possa alcançar alto desempenho na produção de leite. Todas as informações captadas pelo aparelho são enviadas para o pecuarista via tablet ou smartphone.

Com isso, o produtor tem maior facilidade para comparar os dados dos gráficos e tomar as medidas necessárias para melhorar o manejo das vacas leiteiras. Como os pequenos produtores de leite têm difícil acesso à tecnologia, é preciso que iniciativas assim sejam divulgadas com maior ênfase. Afinal, muito tem sido feito para otimizar o manejo do gado leiteiro no Brasil.

Quem incentivou os estudantes a desenvolver soluções inovadoras para a pecuária leiteira foi Luiz Fernando de Souza Frederico, coordenador de TI Castrolanda. O objetivo é atingir outros setores do agronegócio. Como o aparelho é novidade entre os pecuaristas leiteiros, tem sido feita a sua divulgação em feitas agropecuárias, como a de Castrolanda. As projeções são para que a tecnologia chegue ao mercado ainda em 2017.

Fonte: Canal Rural.

Confira o artigo "Dicas para aumentar a longevidade das vacas" e aprimore ainda mais o seu conhecimento.


Andréa Oliveira 22-09-2017 Pecuária de Leite

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.