Dicas para começar uma criação de tilápias

Dicas para começar uma criação de tilápias. Com manejo adequado, boa nutrição, matrizes saudáveis e controle na criação, o produtor certamente alcançará bom faturamento mensal.

Com manejo adequado, boa nutrição, matrizes saudáveis e controle na criação, o produtor certamente alcançará bom faturamento mensal na criação de tilápias

Dicas para começar uma criação de tilápias

A criação de tilápias começou a se expandir pelo mundo a partir dos anos 50. Atualmente, a tilápia representa 40% de todo pescado produzido pelos piscicultores brasileiros. Originária do Egito, a tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) é a mais produzida no país, pois possui rápido ganho de peso - 5 gramas por dia, com ganho para abate de até 1 kg. Além disso, é um peixe com carne branca, tenra, saborosa, leve e quase sem espinhos - com boa demanda no mercado interno e externo (em especial o norte-americano).

"Outra excelente fonte de renda para os produtores de tilápia é o curtimento do couro - com alto valor comercial no estrangeiro. A pesca esportiva ganha espaço no mercado de tilápias, o que possibilita ao criador outro ótimo mecanismo para escoar sua produção", afirma Manuel Vazquez Vidal Junior, professor do Curso a Distância CPT Criação de Tilápias, disponível nos formatos em Livro+DVD e Online.

As tilápias possuem resistência a variações climáticas e boa adaptabilidade ao clima de várias regiões do Brasil. O piscicultor pode optar por criá-las em tanques (criação em tanques-rede), viveiros de alvenaria, açudes, ou ainda em lagoas naturais. Com manejo adequado, boa nutrição, matrizes saudáveis e controle na criação, o produtor certamente alcançará excelentes resultados e bom faturamento mensal.

Controle da temperatura e do pH da água

Como a temperatura da tilápia (e demais peixes) muda conforme a temperatura da água, é fundamental monitorá-la para que elas se alimentem bem e ganhem peso mais rapidamente. Em geral, a tilápia prefere temperaturas de 26 a 30°C.  Já o pH recomendado da água deve ser neutro (7,0). É importante ressaltar que pH menor que 4,0 ou maior que 11,0 não é propício para as tilápias. Portanto, controle-o com um aparelho chamado peagâmetro.

Alimentação recomendada

As tilápias são onívoras, ou seja, comem de tudo. Desde plantas aquáticas, frutos e sementes, até microcrustáceos, larvas, moluscos e peixes menores. Na alimentação natural da tilápia do Nilo devem ser incluídos fito e zooplâncton. Já a ração deve ser equilibrada e fornecida em parcelas. Ela deve flutuar na água, além de apresentar boa absorção e não deixar resíduos.

Período reprodutivo das tilápias

Quando as tilápias alcançam entre três e seis meses de vida, elas atingem o período de reprodução. As fêmeas de tilápia desovam quatro vezes no mesmo ano (ou mais) - tudo depende da boa nutrição e do ambiente de criação propício ao acasalamento. A espécie é uma das que apresentam cuidado parental - cuidam da prole. Por isso, a taxa de sobrevivência no criatório é significativamente alta.

Fontes: Canal Rural e Cursos CPT.

Andréa Oliveira 12-12-2016 Piscicultura

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.