Como descartar embalagens de agrotóxicos?

Quando as embalagens de agrotóxicos esvaziarem, o produtor rural deve submetê-las à lavagem sob pressão ou tríplice lavagem

Como descartar embalagens de agrotóxicos?

Para o descarte de embalagens de agrotóxicos, há 16 anos, o governo criou o Sistema Campo Limpo, programa de logística reversa, instituído em várias regiões do país. Segundo dados coletados em 2018 do inpEV, a região com maior número de postos de reciclagem é São Paulo, com 65 postos; seguida por Mato Grosso, com 34; Rio Grande do Sul, com 28; e Goiás, com 23. A única região sem postos de reciclagem é o Amapá.

Logística reversa


Por meio da logística reversa, as embalagens são enviadas aos postos de reciclagem, para virarem novos galões plásticos. Trata-se de uma prática obrigatória! Se o produtor rural oferecer as embalagens de agrotóxicos a outras pessoas ou deixá-las na propriedade após um ano da data da nota fiscal de venda, ele responderá por crime ambiental, além de pagar multa. Reutilizar a embalagem de agrotóxico é estritamente proibido, pois gera perigo à saúde pública e ao meio ambiente.

Recolhimento das embalagens


“No Brasil, 94% das embalagens plásticas de agrotóxicos comercializadas são recolhidas pelo inpEV, para serem encaminhadas às onze unidades de reciclagem parceiras do Sistema Campo Limpo. Do total de embalagens recebidas, 91% apresentam potencial para serem recicladas. As sem condições de reciclagem são incineradas” (inpEV - Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias).

Recebimento nas unidades recicladoras


Em 2017, foram recolhidas 44,5 toneladas de embalagens vazias. Desde 2002, ano em que o Sistema Campo Limpo foi instituído, 475.644 toneladas de embalagens de agrotóxicos tiveram o destino correto. O encaminhamento às recicladoras credenciadas é fundamental para a avaliação do material. Para a reciclagem, as unidades seguem todos os padrões de segurança, qualidade e rastreabilidade, bem como as normas dos órgãos ambientais.

O que o produtor rural deve fazer?


Quando as embalagens de agrotóxicos esvaziarem, o produtor rural deve submetê-las à lavagem sob pressão ou tríplice lavagem. No site do Instituto Nacional de Processamento de Embalagens Vazias, é possível aprender ambos os procedimentos. Após a lavagem, as embalagens devem ser inutilizadas e armazenadas em local próprio, até serem entregues às unidades de reciclagem, no prazo de um ano.

Conheça os Cursos a Distância CPT, constituídos de Livro+DVD, e Cursos Online, da Área Agricultura.

Leia o artigo "Abelhas exterminadas por agrotóxicos são problema global".

Fonte: revistagloborural.globo.com

Andréa Oliveira 10-10-2018 Agricultura

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.