Cuidados com a égua gestante e sinais de proximidade do parto

A partir do diagnóstico de que a égua está gestante, devem começar os cuidados na manutenção da prenhez e da saúde da mãe e do potro

A égua gestante precisa receber uma alimentação equilibrada, além de um manejo diferenciado

égua gestante

A partir do diagnóstico de que a égua está gestante, devem começar os cuidados na manutenção da prenhez e da saúde da mãe e do potro. Nesse período, é muito importante que as éguas gestantes não sejam mantidas confinadas junto às éguas vazias. Com o manejo adequado, elas podem fazer exercícios (que não sejam muito excessivos) até um ou dois dias antes do parto.

Mas é importante ressaltar que, no terço final da gestação, as marchas longas e os trabalhos fatigantes podem levar ao aborto. Desse modo, é mais conveniente ao criador mantê-las em um pasto mais próximo à cocheira, pois facilita as inspeções diárias. Essas cocheiras só deverão ser usadas para protegê-las das tempestades.

No quesito alimentação de éguas gestantes, é preciso que o criador tenha alguns cuidados. Nos três últimos meses de gestação, se a égua estiver pesando cerca de 500 Kg de peso vivo, ela vai necessitar de 18 mil calorias de energia por dia. Essa energia pode ser conseguida com a administração de carboidratos, gorduras e proteínas na dieta. No Brasil, os carboidratos são a fonte mais barata de energia, como o milho.

Quando a égua estiver em lactação, nos três primeiros meses, essa quantidade deve subir para 28 mil calorias. Além disso, deve ser fornecido a ela cerca de 40 a 50 litros de água por dia. No caso da égua gestante pesar em torno de 500 Kg, ela necessitará também de 470 g diárias de proteínas. Essa proteína pode ser conseguida administrando-se farelo de soja, por exemplo. Já nos três primeiros meses de lactação, essa quantidade deve subir para 950 g. A administração de forragem em grande quantidade e de boa qualidade fornece todas as vitaminas necessárias para a égua. O sal mineral deve ser colocado nos cochos, à vontade.

Quanto ao momento do parto, alguns sinais fisiológicos indicam sua proximidade. São eles:

De 6 a 2 semanas O úbere começa a se desenvolver, adquirindo um formato mais arrendondado. Algumas éguas podem não apresentar esse desenvolvimento ou fazê-lo precocemente nos primeiros meses de gestação.

De 6 a 4 dias O leite desce para as tetas.

De 48 a 24 horas Algumas gotas começam a pingar do úbere ou se coagulam nas tetas, dando a impressão de que está saindo um tubinho de parafina.

Para maiores informações, consulte o curso Reprodução de Cavalos, elaborado pelo CPT – Centro de Produções Técnicas. O curso conta com orientações a respeito da anatomia e fisiologia do garanhão, anatomia do aparelho genital da égua, comportamento da égua nas fases do ciclo estral, detecção do cio, inseminação artificial, fecundação, sinais de gestação, entre outras. Leia também nosso outro artigo Como identificar o cio e a gestação nas éguas.

Beatriz Lazia 15-03-2013 Cavalos

Deixe um Comentário

Comentários

Roberto Camargo Gonçalves

21-10-2018

Minha égua foi inseminada dia 04/12/2017 e falta poucos dias para parir, e apalpando o ubere dela notei que o está duro os dois lados e as tetas mucha e não sai leite, isso é normal? Essa vai ser a segunda cria dela e na primeira no dia que criou não descia leite e apliquei uma dose de ocitocina ai desceu o leite e ela criou o potro e desmamei em abril de 2017, e secou o leite e o ubere ficou normal. Nesse caso agora oque devo fazer?

Resposta do Portal Agropecuário

22-10-2018

Olá Roberto,

Agradecemos a visita e cpmentário em nosso site.

Sugerimos que consulte um especialista na área.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

Layara Dutra de Azevedo Fernandes do Natal

14-10-2018

Como posso saber que a minha égua já vai parir.

Resposta do Portal Agropecuário

15-10-2018

Olá Layara,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site.

Para mais informações, sugerimos que consulte um Médico Veterinário.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto

tiago vieira da silva novais

12-10-2018

Tenho uma égua de 14 anos prenha ela esta souta não monto e nem sei quanto tempo ela esta de gestação mais nesse momento vejo ela deitando e rolando no chão mais e estranho que ela não esta mojando ainda o que sera que ela tem se pode me ajudar

Resposta do Portal Agropecuário

15-10-2018

Olá Tiago,

Agradecemos a visita e comentário em nosso site.

Para mais informações, sugerimos que consulte um veterinário, ele examinará o animal e vai orienta-lo em como proceder.

Atenciosamente,

Mariana Caliman Falqueto