Caprinos Boer, ótima oportunidade de criação para pecuaristas

A raça de caprinos Boer é uma raça originária da África do Sul

A carne dos caprinos Boer é naturalmente light e vem conquistando os melhores paladares do país

caprinos Boer

A raça de caprinos Boer é  originária da África do Sul, resultante do cruzamento de cabras indígenas africanas com caprinos de origem europeia, e é conhecida com uma verdadeira raça de caprino de corte. Possui algumas características típicas, como é o caso de sua boa conformação, uniformidade da coloração, precocidade no desenvolvimento, maturidade precoce, alta fertilidade, fecundidade, prolificidade, longevidade, excelentes qualidades maternas, altas produções de leite e altas taxas de desmame.

Caprinos dessa raça apresentam a pelagem padrão com coloração branca por todo o corpo e a cabeça vermelha ou escura. Fisicamente, eles são fortes, com um excelente desenvolvimento físico. Possuem o corpo comprido, profundo, com amplas e bem distribuídas massas musculares, características estas que determinam a aptidão da raça para a produção de carne. No que diz respeito à produção de leite, esta é mediana, mas suficiente para garantir uma boa criação dos cabritos.

O perfil frontal desses animais é predominantemente convexo, com a curvatura terminando no focinho e com a fronte forte e os chifres arredondados e voltados para trás. Os pelos são curtos, sobre uma pele solta, macia e pregueada, principalmente nos bodes, característica essencial para uma boa adaptação a condições climáticas adversas. Além disso, a cor da pelagem ajuda na resistência a altas temperaturas e a parasitas externos.

Abordadas tais características, passaremos agora para aquelas que são bons motivos para que os criadores de caprinos optem pela raça Boer. São elas:

- os cabritos atingem peso de abate aos 90 dias; - o ganho de peso é acima de 350 g por dia; - até 3 partos, a cada 2 anos, com 2 a 3 cabritos por parto; - bodes e cabras com grande precocidade sexual; - caprinos dessa raça preferem arbustos, limpando as pastagens para o gado; - permitem consorciação com bovinos e ovinos; - adaptáveis a áreas áridas e encostas; - couro especial (pelica), extraflexível e resistente; - carne naturalmente light, com menos de 3% de gordura.

Como citado anteriormente, o cabrito Boer tem uma carne naturalmente light, com menos gordura do que a carne bovina, a de cordeiro e a do frango, tudo isso, com um sabor inigualável, que vem conquistando os melhores paladares no país. Dessa forma, os criadores que optam por essa raça, conseguem atingir altos preços, no mercado, uma vez que, a base de produtores de Boer ainda é pequena, mostrando-se uma ótima oportunidade para novos produtores ou para aqueles que já criam caprinos e querem aumentar seus lucros.

O CPT - Centro de Produções Técnicas elaborou o curso Criação de Caprinos de Corte. Nele, os pecuaristas poderão encontrar orientações a respeito da criação de caprinos Boer, além de outras raças. O curso conta com a coordenação da Professora Cristiane Leal dos Santos. Leia também nosso outro artigo Vantagens da criação de cabras.

Beatriz Lazia 03-12-2012 Criação de Cabras

Deixe um Comentário

Comentários

Não há comentários para esta matéria.